A relação com o saber e a corporeidade em movimento: aproximações com o comportamento inteligente na educação física escolar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/v12.n1.2019.655.p125-136

Palavras-chave:

Explicitação, Educação Básica, Aluno.

Resumo

Neste artigo, nos apropriamos da temática

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana Venâncio, Universidade Federal do Ceará

Professora adjunta | Instituto de Educação Física e Esportes-UFC | Programa de Pós-Graduação em Educação Física-UFRN

Luiz Sanches Neto, Universidade Federal do Ceará

Professor adjunto | Instituto de Educação Física e Esportes-UFC | Programa de Pós-Graduação em Educação Física-UFRN

Referências

BACHELARD, G. A formação do espírito científico: contribuição para uma psicanálise do conhecimento. Rio de Janeiro: Contraponto, 1996.

BETTI, M. et al. Por uma didática da possibilidade: implicações da fenomenologia de Merleau-Ponty para a Educação Física. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Campinas, SP, v. 28, n. 2, p. 39-53, jan. 2007.

BETTI, M. Por uma teoria da prática. Rio de Janeiro: Universidade Gama Filho. Motus Corporis, v. 3, n. 2, p. 73-127, 1996

BETTI, M. Valores e finalidades na educação física escolar: uma concepção sistêmica. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 16, n. 1, p. 14-21, 1994.

BRACHT, V. A constituição das teorias pedagógicas da educação física. Cadernos Cedes, Campinas, SP, v. 19, n. 48, p. 69-88, 1999.

CAVALCANTI, J. D. B. A noção de relação ao saber : história e epistemologia, panorama do contexto francófono e mapeamento de sua utilização na literatura científica brasileira. Tese (Programa de Pós-Graduação em Ensino das Ciências) - Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2015.

CHARLOT, B. Ensinar a educação física ou ajudar o aluno a aprender o seu corpo-sujeito? In: DANTAS J? NIOR, H.S.; KUHN, R.; DORENSKI, S. Educação física, esporte e sociedade -temas emergentes, v.3. Aracajú: UFS, 2009, p.231-246.

CHARLOT, B. (Org). Os jovens e o saber: perspectivas mundiais. Porto Alegre: ARTMED, 2001.

DAOLIO, J. Educação Física brasileira: autores e atores da década de 1980. Campinas, SP: Papirus, 1998.

DREYFUS, H. L. What computers still can? t do: a critique of artificial reason. Massachusetts: MIT Press, 1992.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 42.ed. São Paulo: Paz e Terra, 2005.

KUNZ, E. Educação Física: ensino e mudanças. 3.ed. Ijuí-RS: Unijuí, 2004.

LATOUR, B. Jamais Fomos Modernos. São Paulo: Editora 34, 1994.

MORGAN, W.; MEIER, K. Philosophic inquiry in sport. Champaign, Illinois: Human Kinetics, 1988.

NEGR? O, R. F. Origem temporal da expressão ? Educação Física? ? e sua trajetória histórica: uma contribuição. São Paulo: Plêiade, 2008.

N? VOA, A. Espaço (auto)biográfico: artes de viver, conhecer e formar. Conferência de abertura. Anais do IV Congresso Internacional de Pesquisa (Auto)Biográfica. São Paulo: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, 2010.

ROSENAU, P. Modern and post-modern science. Review ? Fernand Braudel Center, v. XV, n. 1, Winter, p. 49-89, 1992.

SANCHES NETO, L.; BETTI, M. As dinâmicas específicas do trabalho com a educação física e a formação permanente do professorado para a docência. In: HUNGER, D. et. al (Orgs). A educação física e seus desafios: formação, internacional e docência. Curitiba: CRV, 2011, p.125-144.

SOARES, C. L. Educação Física: raízes européias e Brasil. Campinas: Autores Associados, 1994.

VEN NCIO, L. O que nós sabemos? Da relação com o saber na e com a educação física em um processo educacional-escolar. Tese (Doutorado) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual Paulista, Presiente Prudente,-SP, 2014.

VEN NCIO, L. Planejamento participativo em educação física escolar: um contexto situado de relações com os saberes e corresponsabilidades. In: Venancio, L. et al.(Orgs). Educação física no ensino fundamental II: saberes e experiências educativas de professores(as)-pesquisadores(as), 2017, p.65-95.

VERMERSCH, P. Aide à l'explicitation et retour réflexif. Education Permanente, n. 160, p.71-80, 2004.

VERMERSCH, P. L? entretien d? explicitation. 6.ed.ESF, 2010.

Downloads

Publicado

2019-01-03

Como Citar

VENÂNCIO, L.; SANCHES NETO, L. A relação com o saber e a corporeidade em movimento: aproximações com o comportamento inteligente na educação física escolar. Revista @mbienteeducação, São Paulo, v. 12, n. 1, p. 125–136, 2019. DOI: 10.26843/v12.n1.2019.655.p125-136. Disponível em: https://publicacoes.unicid.edu.br/ambienteeducacao/article/view/655. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Temático: Corpo e Movimento na Educação Básica