A educação do campo nos retratos de si: políticas públicas, formação, prática pedagógica e biografização sob o olhar da sustentabilidade e alteridade

Ada Augusta Bezerra, Margaréte May Berkenbrock-Rosito

Resumo

Resumo

Representações e práticas docentes presentes na educação do campo e uma política municipal de educação do semiárido de um estado do Nordeste brasileiro constituem o objeto de estudo desta investigação. O objetivo é identificar a presença ou a ausência da alteridade como condição para superar a dicotomia cidade/campo e garantir a educação como direito humano e do desenvolvimento científico, tecnológico e social do estado/região/ país, em favor do sujeito de direitos. A hipótese é que a “classe multisseriada” enseja o tratamento das diferenças para a construção da igualdade em sala de aula, o que implica ética da alteridade, ausente nas políticas públicas de inclusão, contradição no contexto do Estado democrático. A abordagem metodológica configura-se como pesquisa qualitativa, que contemplou o estudo de caso e a biografização. Os resultados apontam para a necessidade de uma rede escolar própria e de políticas de distribuição de riqueza e reconhecimento para o campo, respeitada a dialética nacional/local, todo/diversidade, reforma agrária/redistribuição da terra, com fundamento na igualdade.

Palavras-chave: Alteridade; Educação do campo; Políticas públicas.

Alterity in public policy, training and pedagogical practice of teachers and professors who work in country education

Abstract

Representations and doscentes practices in the country education and a monicipal education policy in the semi-arid of a state of the Brazilian Northeast contituem study of research. The objective is to identify the presence or absence alterity as a condition for overcoming the dichotomy between town and country and guarantee the human right to education and scientific development, technological and the social state/region/country in favor of the subject of rights. The hypothesis is that “the multisseriate class” gives the opportunity of treatment of the differences for the construction of equality in the classroom, which involves the ethics of alterity, absent in public policy contradiction of inclusion in the democratic State. The approach sets itself as qualitative research that included the case study and writing the biography. The results suggest the need for a school network and its own policies for distribution of wealth and recognition for the country, respected the national dialectic/local, all/diversity, land reform/redistribution of land, based on equality.

Keywords: Alterity;The country education; Public policies.

Palavras-chave

Alteridade; Educação do campo; Políticas públicas.

Texto completo:

PDF

Referências

ALBUQUERQUE J. R., Durval Muniz de. A invenção do Nordeste e outras artes. São Paulo: Cortez, 1999.

BOIS, D.; JOSSO, M. C.; HUMPICH, M. (Org.). Sujeito sensível e renovação do eu: as contribuições da

Fasciaterapia e da Somato-psicopedagogia. São Paulo: Paulus; Centro Universitário São Camilo, 2008.

BOURDIEU, Pierre (Coord.). A miséria do mundo. São Paulo: Vozes, 2001.

BUARQUE, Sergio C. Construindo o desenvolvimento local sustentável. Rio de Janeiro: Garamond, 2002.

BRASIL. Presidência da República. Constituição. Brasília, 1988.

CADERNOS Adenauer III. O nordeste à procura da sustentabilidade. Rio de Janeiro: Fundação Konrad

Adenauer, 2002. p. 9.

CASALI, Alípio. O legado de Paulo Freire para a pesquisa (auto) biográfica. In: PASSEGGI, Maria da

Conceição; BARBOSA, Tatyana Mabel Nobre (Org.). Narrativas de formação e saberes biográficos. Natal,

RN: Ed. da UFRN; São Paulo: Paulus, 2008.

DELEUZE, Gilles. Conversações. São Paulo: Ed. 34, 2000.

GUEDES, Ítalo Moraes Rocha. Sustentabilidade da agricultura no semi-árido brasileiro I. Disponível em:

. Acesso em:

set. 2007.

HELLER, Ágnes. O cotidiano e a história. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2000.

______. Sociología de la vida cotidiana. Barcelona: Ediciones Península, 2002.

JOSSO, Marie-Christine. Tendências da pesquisa (Auto) biográfica. In: PASSEGGI, Maria da Conceição

(Org.). Prefácio Christine Delory-Momberger. Tendências da pesquisa (auto) biográfica. Natal, RN:

EdUFRN; São Paulo: Paulus, 2008.JOVCHELOVITCH, Sandra; BAUER, Martin N. Entrevista narrativa. In: BAUER, Martin N.; GASKELL,

George. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2002.

LÉVINAS, Emmanuel. Entre nós: ensaios sobre a alteridade. Petrópolis: Vozes, 1997.

OLIVEIRA, Francisco de. Novos Estudos CEBRAP, n. 22, out. 1988, p. 8-28.

O’CONNOR, James. The fiscal crisis of the state. New York: St. Martin’s Press, 1973.

OTETTO, Luciana Esmeralda; ROSITO, Margaréte May Berkenbrock. Histórias tecidas na roda da

dança. In: PASSEGGI, Maria da Conceição; SOUSA, Elizeu Clementino de (Org.). (Auto) biografia:

formação, territórios e saberes. Prefácio Gaston Pineau. Natal, RN: EdUFRN; São Paulo: PAULUS,

13. cap. p. 273-281.

PASSEGGI, Maria da Conceição (Org.). Tendências da pesquisa (auto) biográfica: formação, territórios e saberes.

Natal, RN: EdUFRN; São Paulo: Paulus, 2008. (Coleção Pesquisa (auto) biográfica & educação).

PINEAU, Gaston. Aprender a habitar a terra: ecoformação e autobiografias ambientais. In: PASSEGGI,

Maria da Conceição; SOUSA, Elizeu Clementino de (Org.). (Auto) biografia: formação, territórios e

saberes. Prefácio Gaston Pineau. Natal, RN: EdUFRN; São Paulo: Paulus, 2008. 2. cap. 47-64.

POULANTZAS, Nicos. O estado, o poder, o socialismo. São Paulo: Graal, 2000.

RICOEUR, Paul. Tempo e narrativa. tomo II. São Paulo: Papirus, 1995.

SANTOS, Milton. O Brasil: território e sociedade no início do século XXI. 2. ed. Rio de Janeiro:

Record, 2001.

_____. Território e sociedade: entrevista com Milton Santos. São Paulo: Ed. Fundação Perseu Abramo, 2001.

SOUZA, Elizeu Clementino de. Modos de narração e discursos da memória: biogeografização, experiências

e formação In: PASSEGGI, Maria da Conceição; SOUSA, Elizeu Clementino de (Org.). (Auto)

biografia: formação, territórios e saberes. Prefácio Gaston Pineau. Natal, RN: EdUFRN; São Paulo:

PAULUS, 2008. 4. cap. p. 85-99.

______. (Auto) biografia: formação, territórios e saberes. In: PASSEGGI, Maria da Conceição; SOUZA,

Elizeu Clementino de Souza (Org.). Prefácio Gaston Pineau. (Auto) Biografia: formação, territórios

e saberes. Natal, RN: EdUFRN; São Paulo: PAULUS, 2008.

SOUZA, Ivana Paula Freitas de. O desenvolvimento sustentável na perspectiva da convivência com o

semi-árido. IN: A gestão do currículo escolar para o desenvolvimento humano sustentável do semi-árido brasileiro.

São Paulo: Peirópolis, 2005. p. 45-56.TITTANEGRO, Gláucia. O tempo da espiritualidade. In: PESSINI, Léo; BARCHIFONTAINE,

Christian Paul. Buscar o sentido e plenitude de vida: Bioética, saúde e espiritualidade. São Paulo: Edições

Paulinas e Centro Universitário São Camilo, 2008, p. 87-98


Visualizações do PDF:

68 views


Visualizações do Resumo:

345 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
-->
Tema: Mpg. Customizado por: Articloud