Educação e saúde: um trabalho em parceria

Rosemeire Macedo Ambrozano

Resumo

Resumo

Educar alunos de Enfermagem, para se tornarem educadores em saúde, que compreendam seu papel de mediadores para a obtenção de melhores condições de saúde pela educação é tarefa nem sempre explícita. Comumente, alunos da área da saúde vêm aos bancos escolares certos de que seu papel é tratar de doenças e não educar para saúde. Pela interdisciplinaridade e parceria, tentamos estabelecer padrões de compreensão através da realidade vivida, de forma a levá-los a aprendizagens com maior significação pessoal e profissional. Este trabalho relata a experiência docente, na disciplina de Educação em Saúde, do curso de bacharelado em Enfermagem, em um Centro Universitário de Santos, São Paulo, Brasil, onde os alunos, em parceria com o docente, se colocam como membros ativos no processo de construção do conhecimento, atuando em atividades de educação em saúde com a comunidade.

Palavras-chave: Educação em saúde; Interdisciplinaridade; Aprendizagem significativa. 

Abstract

Bring up Nursing students, to become health educators, whose comprehend their function as facilitators to get better health conditions though the education is a task not always explicit. Usually, students in health education, come to the scholar seats, right in mind that their role is to treat illness, but not educating for health. Though interdisciplinary and partnership, we have tried to establish comprehension patterns by the experienced reality, in order to lead them to greater personal and professional significance learning. This article reports a teaching experience in the discipline, Health Education, in the Nursing Bachelor Course, in a University Center located in Santos, São Paulo, Brazil, where students in partnership with professors are arising as active members in the knowledge construction process, working on health education activities with the community.

Key words: Educating to health; Interdisciplinary; Significant learning.

Palavras-chave

Educação em saúde; Interdisciplinaridade; Aprendizagem significativa.

Texto completo:

PDF

Referências

AMBROZANO, R. M. Enfermagem: formação interdisciplinar do enfermeiro. São Paulo: Universidade

Cidade de São Paulo – UNICID; Arte&Ciências; Villipres, 2002.

EGRY, E. Y. Saúde coletiva: construindo um novo método em Enfermagem. São Paulo: Ícone, 1996.

FAZENDA, I. C. Interdisciplinaridade: história, teoria e pesquisa. 2. ed. Campinas, SP: Papirus, 1995.

______. Novos enfoques da pesquisa educacional. São Paulo: Cortez, 1992.

FREIRE, P. Educação e mudança. 6. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1990.

LESCURA, Y.; MAMEDE, M. V. Educação em saúde: abordagem para o enfermeiro. São Paulo: Sarvier,

MORIN, E. Os sete saberes para a educação do futuro: Unesco. Lisboa: Instituto Piaget, 1999.

WALDOW, V. R.; LOPES, M. J.; MEYER, D. E. Maneiras de cuidar, maneiras de ensinar: a Enfermagem

entre a escola e a prática profissional. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995.


Visualizações do PDF:

78 views


Visualizações do Resumo:

393 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
-->
Tema: Mpg. Customizado por: Articloud