AUTONOMIA UNIVERSITÁRIA A SERVIÇO DA INCLUSÃO SOCIAL: ACOLHENDO CRIANÇAS COM TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO E SUAS FAMÍLIAS

Olga Solange Herval Souza, Gilca Lucena Kortmann

Resumo

Resumo

O presente artigo relata ações que atendem ao Plano de Desenvolvimento Institucional do Unilasalle a fim de promover a extensão aberta à participação da comunidade carente, visando socializar os conhecimentos gerados na instituição, colaborando para a melhoria da qualidade de vida das pessoas por ele atingidas. Trata-se do Núcleo de atendimento à comunidade na área de Desenvolvimento Psicopedagógico, que atende desde o bebê no campo da Estimulação Precoce, acompanhando o desenvolvimento de crianças, adolescentes e adultos no o intuito de promover o bem-estar de pessoas em situação de vulnerabilidade social na comunidade local e municípios próximos de forma integral e preventiva.

PALAVRAS CHAVE: Psicopedagogia ; Laboratório de aprendizagem;Responsabilidade social; Família; Comunidade.

Abstract

This article addresses actions that meet the Unilasalle’s Institutional Development Plan aiming to promote the extent open to the participation of the needy community, in order to socialize the knowledge generated in the institution, collaborating to the improvement of people life quality. This is the community service center in the psychopedagogical development area, serving from the baby in the Early Stimulation area, following children development, up to adolescents and adults in order to promote the welfare of the people in situations of social vulnerability of the local community and nearby towns in a thorough and preventive manner.

KEY WORDS: Psychopedagogy ;Laboratory of learning; Social responsibility;Family; Community.

Palavras-chave

Psicopedagogia;Laboratório de aprendizagem;Responsabilidade social;Família;Comunidade.

Texto completo:

PDF

Referências

Barkley, R.A. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH): guia completo para pais, professores e profissionais da saúde. Porto Alegre: Artmed, 2002.

Bianchini, M.G. A escuta do filho/aluno: elo de ligação entre o sistema familiar e o escutar. São Paulo: UNIFIEO, 2001.

Candau, V.M.F. Cotidiano escolar e cultura(s): encontros e desencontros.

In: Candau, V. M. F. Reinventar a escola. Petrópolis: Vozes, 2000. p.61-78.

Cerveny, C.M.O. A família como modelo: desconstruindo a patologia. São

Paulo: Lemos, 1997.

Gasparian, M.C.C. Contribuição do modelo relacional sistêmico para a psicopedagogia institucional. São Paulo: Lemos, 1997.

Kaloustian, S.M. Família brasileira: a base de tudo. São Paulo: Cortez, 1994.

Kendall, J.; Shelton, K. A typology of management styles in families with children with ADHD. Journal of Family Nursing. v. 9, p. 257-280, August 2003.

Malacrida, C. Motherhood, resistance and attention deficit disorder: strategies and limits. Canadian Review of Sociology/Revue canadienne de sociologie, v. 38, n. 2, p. 141-165, May 2001.

Martins, J.S. O massacre dos inocentes: a criança sem infância no Brasil.

ed. São Paulo: Hucitec, 1993. Petrini, J.C. Pós-modernidade e famí- lia: um itinerário de compreensão. São Paulo: EDUSC, 2003.

Polity, E. Ensinando a ensinar. São Paulo: Lemos, 1998.

Yasbek, M.C. Classes subalternas e assistência social. São Paulo: Cortez,


Visualizações do PDF:

23 views


Visualizações do Resumo:

153 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
-->
Tema: Mpg. Customizado por: Articloud