Sapiens

Uma breve história da humanidade. 50ª edição.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/ae.v15i00.1083

Palavras-chave:

Sapiens, Pensamento Pedagógico, História da Humanidade

Resumo

Esta resenha relaciona os conhecimentos da Obra de Yuval Harari à Educação. O livro evidencia o desenvolvimento humano por processos que progressivamente exigiram menos esforços manuais, permitindo direcionar tempo e energia à cognição. Duas marcas ficaram evidentes: capacidade de colaborar com semelhantes e tendência a eliminar diferentes. A Revolução Cognitiva, entre 70 e 30 mil anos atrás, alicerça nossa capacidade complexa de linguagem e ficção, viabilizando a convivência em grandes grupos de humanos. Tornamos a nós mesmos e nossas sociedades complexas e há amplas evidências de que, quanto maior a diversidade e complexidade de um ecossistema, mais ele pode resistir a ameaças. Porém, nosso percurso histórico tem sido amiúde em favor da homogeneização. Assim, pensar os focos da educação e em como aprender a viver com a riqueza da diversidade é pensar qualidade de vidas individuais e também no futuro da raça humana, una.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valdoir Pedro Wathier, Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Brasília – DF – Brasil

Assessoria de Gestão Estratégica. Doutorado em Educação (UCB).

Referências

HARARI, Y. N. Sapiens: Uma breve história da humanidade. 50. ed. Porto Alegre: L&PM, 2015.

Publicado

2022-06-01

Como Citar

Wathier, V. P. (2022). Sapiens: Uma breve história da humanidade. 50ª edição. Revista @mbienteeducação, 15(00), e022010. https://doi.org/10.26843/ae.v15i00.1083

Edição

Seção

Resenhas