Contribuições de programas de iniciação à docência na formação do aluno de pedagogia: a experiência do projeto bolsa alfabetização e pibid na universidade municipal de são caetano do sul

Autores

  • Ana Silvia Moço Aparicio Universidade Municipal de São Caetano do Sul
  • Aline Lazarini Garcia Ventura

DOI:

https://doi.org/10.26843/v6.n2.2013.73.p224%20-%20243

Palavras-chave:

Alfabetização, Formação de professores

Resumo

RESUMO

Este artigo tem a finalidade de investigar as possíveis contribuições de programas de iniciação à docência na formação de alunos de Pedagogia. Consideramos para análise e reflexão a experiência, na Universidade Municipal de São Caetano do Sul, do Projeto Bolsa Alfabetização e do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID). São considerados como dados de análise deste trabalho os relatos reflexivos produzidos pelos bolsistas do curso de Pedagogia da USCS participantes desses dois programas. Assim, com base nessas produções, buscamos identificar as contribuições da participação nesses programas na formação dos alunos bolsistas. Os resultados deste trabalho podem contribuir para ampliar a produção de conhecimentos na área de formação inicial de professores, bem como para promover reflexões no próprio Curso de Pedagogia da USCS.

Palavras-chave: Alfabetização; Formação de professores.

POSSIBLE CONTRIBUTIONS OF INITIATION PROGRAMS FOR NEW TEACHERS BY TRAINING STUDENTS OF PEDAGOGY: THE EXPERIENCE OF BOLSA ALFABETIZA

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Silvia Moço Aparicio, Universidade Municipal de São Caetano do Sul

Profa. Dra. do Curso de Pedagogia da Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS

Aline Lazarini Garcia Ventura

Aluna de Iniciação Científica do Curso de Pedagogia da Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS

 

Referências

ANDRADE, L. T. D. A escrita dos professores: textos em formação, professores em formação, formação em formação. Educação & Sociedade, v. 24, n. 85, p. 1297-1315, Dez. 2003. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo. php?script=sci_arttext&pid=S0101-

-73302003000400010&nrm=iso >.

ANDRADE, L. T. D., REIS, C. M. B. Faça o que eu digo e faça o que eu faço: a escrita como via dialógica formadora. Revista Contemporânea de Educação, v. 2, n. 3, 2007. Disponível em: < http://www.revistacontemporanea. fe.ufrj.br/index.php/ contemporanea/article/view/28/21 >.

ANDR? , M. E. D. A., PONTIN, M. M. D. O diário reflexivo, avaliação e investigação didática. Revista Meta: Avaliação, v. 2, n. 4, p. 13-30, jna./abr. 2010.

ARTIGUE, M. Ingénierie didactique. Recherches en Didactique des Mathématiques, v. 9, n. 3, p. 281-307, 1990.

FERREIRO, E. Reflexões sobre alfabetização: 24.ed. São Paulo: Cortez, 2008.

FRANCO, M. L. Análise de conteúdo: Brasília: Líber Livro, 2008.

GATTI, B. A. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educação & Sociedade, v. 31, n. 113, p. 1355-1379, out.-dez. 2010.

LERNER, D. Ler e escrever na escola: o real, o possível e o necessário: Porto Alegre: Artmed, 2002.

MORIN, A. Pesquisa-ação integral e sistêmica: uma antropopedagogia renovada: Rio de Janeiro: DP&A Editora, 2004.

N? VOA, A. Os professores na virada do milênio: do excesso dos discursos à pobreza das práticas. Educação e Pesquisa, v. 25, n. 1, p. 11-20, jan.-jun. 1999. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo. php?script=sci_arttext&pid=S1517- -97021999000100002&nrm=iso >.

N? VOA, A. Nada substitui o bom professor. . Revista da Simpro, abril 2007.

PENTEADO, A. E. A., MESKO, W. Como se responde a um bilhete?

movimentos a partir desse instrumento de intervenção nas produções textuais em processo de reescrita In:__ SIGNORINI, I. Gêneros catalisadores: letramento e formação do professor. São Paulo: Parábola, 2006.

PERRENOUD, P. Dez novas competências para ensinar: Porto Alegre: Artmed, 2000.

SIGNORINI, I. O papel do relato no contexto de formação da alfabetizadora: percurso feito, percurso por fazer In:__

KLEIMAN, A. B., SIGNORINI, I. O ensino e a formação do professor: alfabetização de jovens e adultos. Porto Alegre: Artmed

SOARES DE ALMEIDA, J. Estágio supervisionado em prática de ensino - relevância para a formação ou mera atividade curricular? . ANDE, v. 13, n. 20, p. 39-42, 1994.

SOARES, M. Alfabetização e letramento: São Paulo: Contexto, 2008.

TARDIF, M. Saberes docentes & formação profissional: 4.ed. Petrópolis: Vozes, 2002.

Downloads

Publicado

2017-09-14

Como Citar

APARICIO, A. S. M.; VENTURA, A. L. G. Contribuições de programas de iniciação à docência na formação do aluno de pedagogia: a experiência do projeto bolsa alfabetização e pibid na universidade municipal de são caetano do sul. Revista @mbienteeducação, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 224–243, 2017. DOI: 10.26843/v6.n2.2013.73.p224 - 243. Disponível em: https://publicacoes.unicid.edu.br/ambienteeducacao/article/view/73. Acesso em: 22 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.